Roteiro de 3 dias em Viena

Visitamos Viena pela segunda vez em abril de 2015, na companhia de queridos amigos e exploramos a cidade por 3 dias. Conseguimos ver as coisas principais, e ainda deixamos muitas outras para trás por falta de tempo. A cidade é cheia de museus, teatros, cafés, lojas, parques, feiras, que seriam impossíveis de conhecer em tão pouco tempo. Chegamos pelo aeroporto Schwechat que conta com várias maneiras de transporte até o centro da cidade: de trem sem paradas (mais caro) ou com paradas (mais barato), ônibus ou táxi. Escolhemos o táxi e pagamos um cerca de 30 euros, que divido por 3 pessoas, saiu o mesmo preço do trem rápido. As principais atrações estão localizadas na região central da cidade, circundada por um anel viário chamado Ringstrasse. Ficamos no Hotel Mercure, localizado à margem dessa via, e pudemos conhecer toda a região a pé. O hotel está representado no mapa abaixo com a cor amarela.

Dia 1- Roteiro rosa

Como foi o dia da chegada, fizemos um roteiro mais curto. Fomos conhecer a famosa Catedral de Santo Estevão, Stephansdom, uma das igrejas góticas mais importantes da Europa, além de ser a sede da arquidiocese de Viena. A igreja é belíssima, com um telhado envidraçado e colorido e uma magnifica torre em forma de agulha. Por dentro também é muito bonita com altares, esculturas e pinturas religiosas. A torre e as catacumbas também podem ser visitadas.

 

Depois passeamos pela rua Graben, local movimentado, cheio de lojas de luxo, cafés charmosos e restaurantes. O lugar é uma delícia e deve ser feito com calma para que seus edifícios possam ser admirados. Nesta rua encontramos uma linda escultura erguida para comemorar o fim da peste de Viena, Pestsäule.

DSC05548

Terminamos na Peterplatz, na Igreja de São Pedro. Simples por fora, mas deslumbrante por dentro, certamente merece ser visitada.

DSC04674

Dia 2-  Roteiro azul

Iniciamos o passeio pela prefeitura de Viena, um prédio enorme com cinco torres, que mais parece uma catedral, localizado na Rathausplatz.

DSC04702

Ao lado da prefeitura encontramos o magnifico edifício do Parlamento Austríaco construído em estilo neogrego, com suas imponentes colunas e um destaque para a linda escultura de Palas Atenas na entrada do prédio.

DSC04707

Em frente ao Parlamento está o Volksgarten, jardim do povo, cheio de árvores, jardins e monumentos.

DSC04697

Continuando nossa caminhada, chegamos ao grandioso Palácio de Hofburg com origem no século XIII. O local foi a residência oficial da família dos Habsburgos, soberanos da Áustria, por vários séculos e atualmente abriga várias residências, gabinetes do Presidente da Áustria, Escola de equitação espanhola, Biblioteca Imperial e vários museus, inclusive o da Sissi.

Visitamos o museu da Sissi que é uma das mais famosas integrantes da família dos Habsburgos. A coleção de prataria é realmente impressionante.

DSC05554

À noite fomos assistir uma ópera na Ópera Estatal de Viena. Lindo teatro e para quem gosta de ópera é um programa imperdível. Eu prefiro concertos!!

Dia 3- Roteiro preto

Começamos pelo Palácio de Schonbrunn, que é um dos principais pontos turísticos de Viena, que pode ser visitado facilmente através de metrô, pela linha U4 e descida na estação Schonbrunn. Conhecido como Palácio de Versalles de Viena, foi residência de veraneio de família dos Habsburgos. O palácio barroco e seu parque são considerados patrimônio histórico pela Unesco. A visita ao palácio deve ser programada para o primeiro horário da manhã, pois é bastante concorrido. Após a visita, reserve um bom tempo para passear no deslumbrante jardim. O passeio é realmente imperdível.

 

O próximo destino foi o lindíssimo Palácio de Belvedere. Construção do século XVIII, em estilo barroco, que abriga a Galeria Austríaca no Belvedere Superior e na parte inferior, o Museu do Barroco e o Museu de Arte Medieval. Merece destaque seu impecável jardim, que por si só já vale a visita.

Para esse dia tínhamos programado mais dois lugares que acabamos não fazendo devido ao cansaço e ao frio intenso, que são: Karlskirche, igreja barroca do século XVIII com grande destaque na cidade e o Naschmarkt, o mercado mais famoso de produtos e alimentos da cidade. Para mim que sou fá de mercados, foi uma pena ter perdido.

Ainda na regiáo do Palácio Belvedere está a Musikverein, considerada uma das mais belas casas de concertos do mundo. Na minha primeira visita à cidade tive oportunidade de assistir a um concerto de Mozart nesta casa e foi simplesmente maravilhoso. Para os amantes da música, este passeio, embora caro, é um momento de raro prazer.

DSC04570

Na minha opinião, Viena é a cidade número 1 nos quesitos organização, cultura, elegância e riqueza. Com certeza encantará seus olhos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s